Tag: ViajaNet

7 dicas de como juntar dinheiro para viajar

Quer saber como juntar dinheiro para viajar e aproveitar as suas férias sem aperto? Confira as dicas do nosso blog!

Viajar é uma coisa tão incrível que assim que chegamos de um destino, logo pensamos no próximo. O único problema é que cada nova experiência acaba custando muito dinheiro, e é comum voltarmos para casa com algumas dívidas e parcelamentos realizados com os custos da viagem.

Como juntar dinheiro para viajar

Como juntar dinheiro para viajar – Fonte: Pinterest

Seja para aproveitar as férias ou fazer um intercâmbio, ter em mãos o dinheiro da viagem é o ideal para quem deseja embarcar com muito mais tranquilidade e segurança. Por isso, separamos dicas fundamentais para você se organizar e juntar dinheiro para viajar. Confira!

Elimine suas dívidas

Pode parecer óbvio, mas é sempre bom lembrar que organizar-se financeiramente é o primeiro passo para comprar as passagens aéreas. Por isso, quem não tem dívidas, já está com meio caminho andado para a próxima viagem! A maioria das pessoas possui alguma pendência; se esse também é o seu caso, o ideal é quitar as contas o quanto antes e assumir o controle de seus gastos.

Encontre um trabalho para as horas vagas

Se a sua grande dificuldade para guardar dinheiro é a falta dele, arranjar um emprego de meio período ou como freelancer são ótimas opções para entrar uma grana extra no final do mês. Não há problema nenhum em trabalhar parte do dia como recepcionista de hotel, vendedor em loja, manobrista, motorista particular, entre outras opções. Encontrar uma atividade remunerada no estilo home office é uma excelente pedida, e existem diversos sites com oportunidades para isso.

Venda aquilo que você não usa

Uma maneira de já conseguir algum dinheiro adicional de modo rápido é colocando à venda objetos que você não precisa mais. Desde aquela máquina fotográfica ultrapassada até roupas que você não usa mais, diferentes itens podem ser vendidos para os amigos ou anunciados na internet.

Venda seus objetos usados

Venda seus objetos usados – Fonte: Istock

Corte gastos

É muito comum pagarmos por serviços que pouco utilizamos. Deixar de pagar a TV por assinatura, por exemplo, é uma excelente maneira de economizar e aproveitar melhor o tempo livre lendo um livro ou conversando com amigos. Já o telefone fixo é facilmente substituído pelo seu smartphone.

Pare de almoçar/jantar fora com frequência

Durante o horário de trabalho ou de estudo, é muito comum fazermos as refeições fora de casa. Preparar e levar a sua própria comida, além de ser mais saudável, é uma excelente opção para deixar de gastar com self-services e fast-foods. Reunir-se com amigos em casa em vez de bares e restaurantes é mais divertido, confortável e ótimo para evitar o custo com esses estabelecimentos.

Corte seus gastos e evite compras desnecessárias

Corte seus gastos e evite compras desnecessárias – Fonte: Istock

Não compre coisas que você não precisa

Evitar gastos desnecessários ajuda muito para sobrar uma grana no final do mês. Por isso, pense uma, duas, três vezes antes de investir seu dinheiro. Pergunte sempre a si mesmo: “eu realmente preciso disso?”. E lembre-se da sua viagem que está chegando!

Guarde seu dinheiro para viajar em um local seguro

Guarde seu dinheiro para viajar em um local seguro – Fonte: Istock

Separe um espaço só para o dinheiro da viagem!

Por fim, abrir uma conta poupança ou qualquer outro espaço de confiança para deixar o seu dinheiro bem protegido é fundamental para evitar cair na tentação e gastar suas economias. Lembre sempre do quanto tem sido difícil economizar e evite retirar qualquer valor de sua reserva.

Agora que você já sabe como juntar dinheiro para viajar basta pesquisar bem e encontrar os melhores preços em passagens aéreas. Entre em nosso site e veja as promoções e novidades!

O que pode levar na bagagem de mão

Já sabe o que pode levar na bagagem de mão? Há uma série de exigências e, por isso, é preciso ficar atento para ter uma viagem agradável.

Não tem nada mais chato e cansativo do que enfrentar horas de voo sem os utensílios necessários, ou então chegar na hora do check-in e ter que se desfazer de algum objeto não permitido em aviões. Para que isso não ocorra, confira o que não pode e o que pode levar na bagagem de mão!

o que pode levar na bagagem de mão

Imagine toda essa situação: passagens aéreas compradas com semanas de antecedência, mala pronta já na noite anterior ao voo, o caminho até o aeroporto, a fila do check-in. Quando, enfim, chega a sua vez, o momento que você tanto esperava, aquele clique em sua mente te faz lembrar que você deixou a máscara de dormir em casa, ou esqueceu aquele livro que iria te distrair por horas em cima da mesa. Conseguiu imaginar? Para que isso não ocorra com você, preste atenção a essas dicas para ter uma viagem tranquila.

Bagagem de mão: o que é

Toda aquela bagagem que não será despachada, isto é, a bagagem que não será guardada no compartimento de carga do avião, é sua bagagem de mão. Pode ser considerada mala de mão toda mala de até 10 quilos cuja soma das medidas de largura, altura e profundidade não ultrapasse 115 centímetros, assim como determinaram as novas regras da Anac (Agência Nacional de Aviação Civil). Na mala de mão – que pode ser uma bolsa ou uma mochila – você deve colocar seus pertences pessoais, documentos, dinheiro, celular, remédios e comidas rápidas.

O que pode levar na bagagem de mão

Itens básicos de higiene

Voos longos demandam um cuidado a mais com o seu conforto. Não se esqueça de levar um nécessaire com escova de dente e uma pasta; papel higiênico é essencial caso o banheiro do avião não tenha; absorvente – no caso das mulheres –; escova de cabelo; e um sabonete pequeno.

Máscara de dormir

Também para voos longos, a máscara de dormir deve ser um dos itens mais lembrados na hora de separar as coisas para sua viagem. Enquanto as luzes do avião estão acesas, a máscara é perfeita para você ter um sono tranquilo. São bem baratas e é possível comprar uma no próprio aeroporto.

Livro ou revista

Caso não queira dormir, leve aquele livro que você está adiando há semanas. O tempo passa mais rápido e o voo se torna mais prazeroso. Vale também passar na banca do aeroporto e comprar sua revista ou gibi favorito.

Itens eletrônicos

Guarde seus eletrônicos consigo: celular, mp3, fones de ouvido, tablet, notebook e afins. Além de maior segurança, para proteger de danos na bagagem despachada, esses itens são ótimos para a distração e tornam a viagem mais agradável.

Comidinhas rápidas, doces e chicletes

Mesmo que muitas companhias aéreas ofereçam alimentos de tempos em tempos no voo, não dependa apenas da comida do avião. Doces como balas e chocolates podem apaziguar o estômago faminto, enquanto chicletes são ótimos para despressurizar o ouvido. Lembre-se: líquidos alcoólicos não podem estar dentro da mala de bordo, enquanto não alcoólicos só podem estar em embalagens até 100 ml.

O que não pode levar na bagagem de mão

Objetos pontiagudos

Na hora de montar sua mala de mão, preste muita atenção neste item. Objetos pontiagudos, como navalhas, lâminas de barbear, alicates de unha, agulhas de tricô e crochê, depiladores, facas, garfos, tesouras, agulhas, dardos, canivetes dobráveis e ferramentas de pontas afiadas não são permitidos em voos nacionais e internacionais.

Líquidos com mais de 100 ml

Garrafinhas de água, perfumes, cremes e bebidas alcoólicas devem ser guardados na bagagem despachada. Escolha sempre embalagens pequenas caso precise levar água na bagagem de mão.

Produtos inflamáveis

Nenhum tipo de explosivo, fogos de artifício, geradores de fumaça, pólvora, palitos de fósforo, gás, aerossóis e isqueiros do tipo maçarico podem embarcar consigo na bagagem de mão.

Desodorante aerosol

Essa proibição só vale para voos internacionais. Por ter um caráter inflamável, o material deve ser deixado com a equipe de segurança na hora da revista.

Agora que você já sabe o que pode e o que não pode levar em sua bagagem de mão, aproveite a sua experiência de viagem com muito mais tranquilidade!

Descubra como tirar passaporte para a sua viagem internacional!

Tirar passaporte é muito mais fácil do que se imagina. Confira o passo a passo que separamos para você tirar o seu!

 

Descubra como tirar passaporte para a sua viagem internacional!

 

Realizar o sonho de viajar para o exterior pode parecer uma tarefa um tanto complicada e burocrática. Quem está procurando por passagens aéreas e destinos internacionais precisa de alguns cuidados como a emissão do passaporte e, também, do visto, dependendo do destino escolhido.

Providenciar sua documentação de embarque é muito simples. Para ficar ainda mais fácil, separamos um passo a passo para que você tire todas as suas dúvidas e viaje com muito mais tranquilidade. Confira!

Destinos que não precisam de passaporte

A primeira coisa que você precisa saber é que grande parte dos países da América do Sul não exige apresentação do passaporte. É necessário, somente, apresentar o RG durante o check-in para embarcar e quando chegar ao destino. Ao todo, são nove os nossos países vizinhos que não requerem a apresentação do passaporte: Argentina, Bolívia, Chile, Colômbia, Equador, Paraguai, Uruguai, Peru e Venezuela.

Independentemente de qual será o seu próximo destino, vale a pena garantir a documentação o mais cedo possível. Neste post, mostraremos como é fácil tirar o passaporte comum para brasileiros. Confira!

Todo o procedimento deve ser realizado no site da Polícia Federal. Você só precisará ir até o posto da Polícia Federal em dois momentos: para o recolhimento das impressões digitais e para retirar, enfim, o seu passaporte.

Separe toda a documentação necessária

  • Documento de identidade – são aceitas a Cédula de Identidade (RG), a Carteira Funcional (emitida por algum órgão público e reconhecida pela lei federal), a Carteira Nacional de Habilitação e a Carteira de Trabalho. Quem deseja renovar o passaporte também pode apresentar o documento antigo.
  • Título de eleitor e comprovantes de comparecimento nas últimas eleições. Para quem não votou, é necessário levar o comprovante da justificativa.
  • Certificação de quitação com o Serviço Militar (obrigatório somente para homens acima de 18 anos).
  • Documento que comprove a naturalização, para os naturalizados.
  • Comprovante de Inscrição no Cadastro de Pessoa Física (CPF). Se não constar no documento de identidade, pode ser impresso no site da Receita Federal.

Crianças menores de 12 anos podem apresentar a Certidão de Nascimento original como uma comprovação de identidade. É importante garantir que o documento apresentado esteja na validade e em boas condições para a identificação. Outro cuidado importante é que quem mudou algum detalhe no nome necessita apresentar uma documentação que comprove isso, como a Certidão de Casamento, por exemplo.

Faça o cadastro da sua solicitação no site da Polícia Federal

O preenchimento do formulário de solicitação de passaporte é muito simples. Basta informar os seus dados pessoais, fornecer os dados de sua documentação e, em seguida, acrescentar informações como profissão e endereço. Após isso, escolha o local onde você deseja receber o atendimento para o cadastro biométrico. Por último, será gerado um número de protocolo. Guarde essa numeração, pois ela será utilizada até o final do procedimento.

Pague a taxa de emissão do passaporte

Assim que for concluída a solicitação, clique em “enviar” para emitir o boleto para pagar a taxa de emissão. Atualmente, o valor é de R$ 257,25. O comprovante de pagamento deve ser levado junto com a documentação separada na primeira etapa.

Agende uma data para fazer o cadastramento biométrico

Assim que realizado o pagamento da taxa, é necessário agendar o atendimento para você comparecer no posto da Polícia Federal.

Vá até o posto da Polícia Federal

No dia marcado, vá até o posto e leve a sua documentação, o comprovante de pagamento da taxa e o número do protocolo da sua solicitação. Lá, eles irão tirar a sua fotografia, conferir os documentos e recolher os seus dados biométricos. Esse procedimento é geralmente bem rápido. Após isso, basta aguardar o passaporte ficar pronto em um prazo de, em média, seis dias úteis.

No próprio site você também poderá acompanhar o processo e verificar o status de seu pedido.

Busque o seu passaporte

Quando, enfim, o seu passaporte estiver pronto, basta voltar ao posto, apresentar o seu documento de identidade com foto e retirá-lo.

Prazo de validade

O passaporte tem validade de 10 anos para pessoas acima de 18 anos de idade. Caso o seu esteja próximo de expirar, basta fazer a solicitação pelo mesmo procedimento. Já as crianças possuem um prazo de validade diferenciado:

tabela de renovação de passaporte

Legenda: Prazo de validade para passaporte infantil / Fonte: Polícia Federal

Quer ficar sabendo de mais dicas como esta? Acompanhe o ViajaNet pelas redes sociais e fique de olho nas novidades do nosso blog!

Copyright © 2015 Blog do ViajaNet - Todos os direitos reservados

Topo ↑